Qual a diferença entre segurança, monitoramento e automação?

Tags:

Infelizmente a sensação de insegurança tem se feito presente no nosso cotidiano e, cada vez mais as pessoas têm buscado meios de se sentir protegidas dentro de suas próprias casas. Escolher o sistema e os equipamentos ideais para garantir a segurança da sua casa é o primeiro passo nesse caminho.

Dentre todas as possibilidades e custos, é importante ter em mente que, mais interessante do que tornar seu lar high-tech é saber identificar as características da sua residência e quais são as opções que melhor se acomodam às suas necessidades e rotinas.

Ainda está em dúvida? Separamos algumas informações para ajudar. Entenda abaixo a diferença entre segurança, monitoramento e automação e qual delas se encaixa melhor no seu dia a dia.

 

Diferença entre segurança, monitoramento e automação

 

Segurança

Equipamentos de segurança são aquelas que protegem o perímetro externo de uma casa. Muitas opções entram nesta categoria como cercas, grades e portões, mas a maior importante delas são os alarmes.

O dispositivo é simples e trabalha por meio de sensores que disparam quando há uma abertura inesperada de portas ou janelas ou quando há uma movimentação dentro de um terreno quando ele está ligado. Alguns sistemas específicos de movimento permitem que sejam tiradas fotos quando o alarme é acionado. Essas imagens são enviadas para o dono do equipamento.

Costumeiramente, os alarmes são opções mais acessíveis e que inibem a chegada de criminosos pelos barulhos ou até por serem visíveis. Mas a grande maioria exige que os moradores lembrem de acioná-los antes de saírem de casa, o que nem sempre acontece.

Monitoramento

Sistemas de monitoramento permitem que moradores tenham conhecimento se alguém entrou ou saiu de sua casa ao longo do dia, além de armazenar imagens para serem resgatadas mais tarde. As câmeras de monitoramento podem ser instaladas tanto em áreas internas quanto externas da residência e os sensores de imagens e movimento devem sei instalados nas partes internas da casa .

Com o avanço da tecnologia, os modelos foram se aperfeiçoando cada vez mais e, hoje, podem ter ou não fio que os conectam. Vários sistemas também já permitem o monitoramento por meio de aparelhos móveis como smartphones e tablets.

As câmeras de segurança têm um efeito inibidor, inclusive pela sua presença, mas não agem de maneira preventiva, uma vez que não disparam alarmes quando algo começa a acontecer. Elas, no entanto, registram tudo de maneira que pode ser utilizado posteriormente.

Automação

A grande diferença da automação residencial é que ela integra diversos equipamentos que facilitam tarefas e cuidam da segurança de uma casa de maneira simples. Através de um sistema remoto controlado por celulares ou computadores, ou até em um horário pré-programado, um morador pode apagar ou ligar luzes, controlar o ar condicionado antes da chegada, garantir o fechamento de uma porta e gerenciar câmeras e sensores de segurança.

Ele permite uma economia, já que apenas o que é utilizado é acionado e no tempo que é necessário. Também aumenta o conforto dos moradores que ficam informados sobre tudo que ocorre em sua residência do cômodo ou até do local que preferirem.

Gostou deste post sobre a diferença entre segurança, monitoramento e automação? No nosso blog tem muitas outras informações sobre estes assuntos.