5 equipamentos para deixar sua casa segura

Tags:

Grande parte das pessoas considera a sua casa um “porto seguro”, o local onde se sentem protegidas e mais confortáveis. Mas, com os índices de criminalidade subindo a cada dia, a ideia do nosso lar ser o lugar mais protegido do mundo já não é mais tão verdadeira. E é exatamente por esse motivo que a indústria de segurança tem crescido ano após ano, oferecendo mais eficiência aos aparelhos de alarmes e monitoramentos para manter os malfeitores longe de sua residência.

Graças à evolução tecnológica, hoje as residências podem contar com mecanismos práticos, eficientes e funcionais, capazes de mantê-las totalmente protegidas, tanto com monitoramento em tempo integral e acessível a qualquer momento e de qualquer lugar através de smartphones, quanto por meio de restrições de acesso. Quer saber mais sobre os equipamentos de segurança residencial que podem deixar sua casa mais segura?

Continue lendo:

5 equipamentos de segurança residencial que podem deixar sua casa mais segura

1) Fechaduras eletrônicas

Este aparato tecnológico vem ganhando bastante espaço nesse nicho, sendo uma evolução das fechaduras tradicionais. Além de permitirem a abertura ou fechamento de portas de maneira remota, elas podem ser programadas para funcionar de acordo com as necessidades do dono da casa. Assim, você pode restringir o acesso à sua casa apenas às pessoas autorizadas, sem o medo de que percam a chave ou passem para outra pessoa.

2) Sensores de movimento

Os sensores de movimento são mecanismos capazes de detectar movimentos mesmo no escuro, e não são acionados caso animais domésticos circulem pelo ambiente monitorado. Eles geralmente são apontados para portas e janelas, enviando e-mail ou mensagem de texto para o smartphone do morador caso haja alguma intrusão.

3) Sensor de vidro quebrado

Ao ser quebrado, o vidro emite uma frequência de áudio única, que é detectada exclusivamente por um sensor. Este proporciona uma cobertura horizontal de 360 graus, sendo ideal para ambiente com janelas e portas de vidro.

4) Sensor de imagem

Em projetos de segurança mais completos, sensores de movimento podem trabalhar junto com câmeras fotográficas. Essa união permite a captura de fotos do que está acontecendo na sua casa a qualquer hora do dia, de qualquer lugar. É possível, por exemplo, instalar esse equipamento na porta de entrada da residência. Assim, as fotografias digitais só serão tiradas quando o sensor detectar a aproximação de alguém no local. O sensor de imagem também é bastante útil para pais de recém-nascidos, que podem instalá-lo perto do berço das crianças para detectar a aproximação de alguém.

5) Sensores de portas e janelas

Estes sensores são compostos por duas peças que se comunicam com o Painel de Controle e, em caso de intrusão, eles enviam um sinal para o morador, que pode saber todas as vezes que uma porta ou janela se abrir. Os sensores também são úteis para os pais que desejam conferir os horários de saída e chegada dos filhos jovens e adolescentes, sem que precisem sair da cama para descobrir se eles já chegaram ou não em casa.

Investimentos não são muito altos

Todos os anos, novos recursos tecnológicos e serviços são desenvolvidos para prover maior proteção às residências. Mas isso não significa que esses recursos exijam que você gaste muito. Hoje, é possível adquirir vários equipamentos simples e eficazes que podem ajudar a manter os bandidos longe da sua moradia, e sem investir muito para isso. Mas lembre-se de que, antes de escolher a tecnologia de segurança a ser utilizada, você precisa compreender as características e necessidades do local e dar preferência a itens de fácil manutenção e que contenham baterias que tenham longa duração.

E se você quiser saber como esses elementos trabalham juntos para garantir a segurança da sua casa, baixe nosso eBook “Como funciona um sistema de segurança”! Aproveite, nosso material é grátis!